António cita ótimo começo do Cuiabá e não encontra justicativa para empate do Bahia

António cita ótimo começo do Cuiabá e não encontra justicativa para empate do Bahia

O técnico do Cuiabá António Oliveira destacou o primeiro tempo do seu time e que a vitória poderia ter vindo se não fosse por um descuido. O comandante auriverde não viu pressão do Bahia na segunda etapa que justificasse o gol de empate, que foi marcado pelo Empereur contra.“Foram 35 minutos de muita qualidade do Cuiabá. Nos ajustamos em uma estrutura em que o adversário tentou nos surpreender, mas já estávamos preparados a partir do momento em que sai a escalação”, revelou António.O Cuiabá abriu o placar com Deyverson de pênalti. Antes e depois do gol o Dourado foi muito superior. No começo da segunda etapa veio o gol de empate.“Acabamos por sofrer um gol em um posicionamento menos correto de um dos nossos jogadores, mas isso acontece. E depois, a partir do momento em que há o gol, a equipe reage novamente, volta ao jogo, começa a criar novas chances. É evidente que o adversário conseguiu ter mais bola, 59%, mas na primeira parte fizeram somente dois arremates. E no segundo tempo, apesar do gol, que acaba por ser um gol contra, qual lance de perigo o adversário criou?”, indagou o técnico cuiabanista.Contra o Bahia, o Dourado fez seu oitavo jogo sob o comando de António Oliveira. São três vitórias, três empates e duas derrotas, um aproveitamento de 50% dos pontos disputados.O próximo compromisso será contra o Fortaleza pelo Brasileirão, no próximo domingo, às 15h, na Arena Castelão.

Veja Também