Caio do União pede concentração e releva reclamação do Mixto: “Acabou se jogando”

Caio do União pede concentração e releva reclamação do Mixto: “Acabou se jogando”

Um dos destaques do União no Campeonato Mato-grossense, o goleiro Caio, evita clima de “já ganhou” e reforça que não viu erro da arbitragem contra o Mixto no jogo de ida. A partida decisiva da semifinal entre União e Mixto será no próximo sábado, no estádio Luthero Lopes.Apesar da vitória por 1 a 0 no primeiro jogo, Caio é sincero ao dizer sobre o desempenho da sua equipe e ressalta a força do adversário.“Sabemos que não tem nada ganho. Temos conversado muito para manter a concentração e não deixar cair. Vimos a dificuldade que foi o jogo de ida. Conseguimos o resultado, mas não fizemos um grande jogo. Corremos riscos. O time deles têm qualidade. Eu acredito que o fator casa e concentração vai nos levar à classificação”, disse o goleiro.O Mixto reclamou de um puxão do Guilherme Teixeira dentro da área, mas o goleiro, que estava bem perto do lance, não viu força suficiente para o atacante cair.“Não acredito que eles foram prejudicados. Não acredito que tenha sido pênalti. Em minha opinião o cara acabou se jogando. É difícil falar de arbitragem. O que podemos fazer é trabalhar, estar preparado para tudo o que acontecer, não deixar o juiz errar e se errar estar preparado para corrigir”.O União tem a defesa menos vazada do Mato-grossense com apenas cinco gols sofridos. O time sofre, em média, 0,5 gol por partida. Um dos motivos são as boas atuações do goleiro Caio.

Veja Também