Classificado, Dom Bosco avalia reforços e almeja segunda colocação na primeira fase

Classificado, Dom Bosco avalia reforços e almeja segunda colocação na primeira fase

O Dom Bosco conquistou a classificação para o mata-mata do Campeonato Mato-grossense de forma antecipada. Faltando duas rodadas para o término da primeira fase, o Leão da Colina ocupa a terceira colocação da tabela, com 13 pontos, um a menos que o segundo lugar União. O Cuiabá é o líder com 21. 

No momento, o Dom Bosco é comandado pelo técnico Gilberto Pereira, que conquistou duas vitórias nas duas partidas à frente do clube. O profissional substituiu Bernardo Gomes, que deixou o cargo após a 5ª rodada com problemas de saúde. 

“Uma coisa atípica do futebol, assumir a equipe não estando na parte debaixo da tabela, mas por problema médico, o colega que estava aqui teve que se ausentar. Foi feito o convite e prontamente aceitei”, enfatizou o treinador. 

Indagado pela reportagem do Olhar Esportivo sobre o bom momento do Dom Bosco, mesmo com um baixo investimento, assim como várias equipes da competição, o técnico disse que o Azulão está com boas condições para o trabalho. 

“Todo mundo bate nesta tecla de investimento baixo, com dificuldades, o futebol principalmente nesses centros de menores divulgação tem muitas dificuldades no geral. Em algumas coisas eu acho até razoáveis condições sim, temos uma boa concentração, boa alimentação, um pouco de dificuldade no campo onde a gente treina, mas temos às vezes o estádio que jogamos para treinar. No meu ponto de vista, temos algumas coisas de qualidade”, disse o técnico. 

Com o time garantido na próxima fase, o treinador almeja a recuperação de alguns jogadores e mira buscar a segunda colocação da competição, para garantir vaga direta na semifinal.  

“No momento que a gente atinge o primeiro objetivo que é a classificação, é olhar para o regulamento e entender que ele propicie uma outra condição, ou seja, o primeiro e segundo a não correrem riscos de ficarem fora de uma semifinal. A partir deste momento, estamos melhorando a parte física, porque temos muitos jogadores no DM e com cartões para o próximo jogo, precisamos rodar o elenco para ter mais atletas à disposição”, pontuou. 

O técnico Gilberto Pereira afirmou que aguarda alguns reforços para a sequência do estadual. 

“Todo elenco nunca se fecha quando tem grandes objetivos, já foi feito o pedido, coloquei aquilo que entendo que nós temos dificuldades para a diretoria, agora é aguardar ou criar situações dentro do elenco”, completou. 

Segundo o coordenador de futebol do Dom Bosco, Maurício Dias, o time frequentemente está nas fases finais da competição, mesmo com um orçamento modesto. A diretoria também avalia novas contratações e busca mais um atacante.  

“O principal objetivo foi alcançado. Porém, mesmo com um elenco caseiro e orçamento modesto, nós temos ambições maiores na competição. O Dom Bosco vem chegando sempre nas fases finais do estadual mesmo com pouco recurso, isso só é possível diante do trabalho sério, honesto e responsável que fazemos no clube. Não posso deixar de incluir o torcedor dombosquino nesse sucesso, o torcedor tem apoiado, comparecido ao estádio e sem dúvida, é parte importante na campanha vitoriosa do azulão. Na reunião semanal entre diretoria e comissão técnica, iremos analisar a necessidade e possibilidade de contratações pontuais para o decorrer do campeonato.”

O Dom Bosco volta a campo no dia 26 de fevereiro, contra o Nova Mutum, fora de casa. O duelo será válido pela 8ª rodada do Mato-grossense, no estádio Valdir Doilho Wons.

Fonte: Olharesportivo

Veja Também